04 abril 2011

Famílias que viveram em Moçâmedes: Família AÇO. Isac Alberto Rodrigues Aço

Quem viveu em Moçâmedes na década de 1940-1950 recorda-se pela certa de Isac Alberto Rodrigues Aço. Filho de Luiz Campos Aço e Josefina Baião Aço,  Isac nasceu em Santo António do Zaire, em 04 de Maio de 1935, no decurso de uma 1ª estadia de seus pais em terras de Angola, antes de regressarem a Portugal. Em 1943, na companhia de seus pais e irmãs, então a convite de missionários suiços, Isac regressa a Angola, numa altura em que seus pais, aproveitando a estadia em Lisboa tinham aperfeiçoado os seus estudos para se tornarem missionários e professores. A familia esteve primeiro em Caluquembe, em seguida em Sá da Bandeira (1 ano), e em 1947 foi colocada em Moçâmedes onde passou a residir numa moradia mesmo no centro do Bairro da Torre do Tombo, próximo da então padaria do Esteves, da casa do Ventura Ilha, Carimbola e Brazão, e em frente a um chafariz que ali existia naquele tempo, para onde afuia gente do bairro e não só, que ia a casa dos "protestantes" ouvir as pregações de seu pai Luiz Campos Aço, muitas das quais continuavam a frequentar a missa de domingo da Igreja católica de Santo Adrião.  Em Moçâmedes, tal como suas irmãs, Isac passou a sua adolescência, e foi a partir das terras do Namibe, que juntamente com elas, partiu, uns anos depois para se tornar missionário. Em 1955  passou a viver em Luanda. Em 1962 recebeu convite para estudar Teologia no Brasil, na Faculdade de Teologia da Igreja metodista. Em 1982 tornou-se Bispo da Igreja Metodista em Belo Horizonte , Brasil. Para quem o tenha conhecido e esteja interessado na sua biografia, clicar: Vidas Ecuménicas

Sem comentários:

Enviar um comentário